Curió Pensante - Informação, reflexão, ironia e um pouco de realismo fantástico.
CABEÇA DURA
Ideologia, eu quero uma por que apanhar...
date_range20/06/2019 às 20:30

O mundo não para por quem não tem relevância.

Por: Márcio Rogério Bernardo Matos

O estudante de Ciências Sociais da Universidade Federal de Goiás foi duramente atingido por um golpe de cassetete desferido por um capitão da polícia militar durante protestos contra as reformas trabalhista e previdenciária ainda do governo Temer.
O estudante, assim como outros manifestantes estavam no entorno da Assembleia Legislativa e foram reprimidos pela Polícia no intuito de coibir vandalismos e guardar a integridade da casa (ou dos seus ocupantes). Com a resistência dos manifestantes e a recusa em deixar as circunvizinhanças, os policiais investiram contra e nessa hora, quando Mateus Ferreira avançava de encontro, foi atingido por um golpe de cassetete que se quebrou com o impacto.
Agora, por meio de um decreto assinado pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado, o capitão da Polícia Militar do estado Augusto Sampaio de Oliveira Neto foi promovido por merecimento ao posto de major. A mídia nacional (A maioria) tem tratado o tema como um absurdo. Preferimos que você leitor e sua consciência apliquem o veredito.
Deve-se porém, serem destacados alguns pontos de consideração: é livre o direito à manifestação, protestos e atos públicos em contraditório desde que os mesmos obedeçam prévios acordos e comunicados legais; da mesma forma, é terminantemente ilícita e passível de pena a prática da depredação do patrimônio público, a obstrução do direito alheio, como o de sua livre circulação e a resistência violenta contra os agentes da lei; o protesto o qual o jovem militante Mateus participou, bem como seus atos privados, investem contra tais prerrogativas.
Mais, a conduta pontual, rude e pouco equilibrada de um agente da lei não determina sua personalidade nem anula seu histórico profissional; isso explica em parte a promoção dada pelo governador Caiado ao militar.
Enquanto isso, a esquerda desacreditada que sempre alegou que Bolsonaro é um homem autoritário; os diversos protestos contra o atual presidente provam o máximo oposto. Muitos protestos e a violência vem unicamente deles. A morte de uma mãe de oito filhos que inalou a fumaça de pneu queimado durante os últimos protestos contra entra na contabilidade (ainda que indireta) deles.

Sobre
Informação, reflexão, ironia e um pouco de realismo fantástico! Participe conosco da construção de um novo pensar consciente e livre de manipulações! Acompanhe-nos em nosso blog, Instagram, Facebook, Twitter e no site Miséria, o maior portal de notícias do interior cearense. Editorial: Antonia Gomes Lacerda de Meneses - Jornalista e editora-chefe Márcio Rogério Bernardo Matos - Crítico Literário,Teólogo e Redator www.curiopensante.com.br @curiopensante.com.br (88)9 9700-9589 (88)9 9918-3034