Curió Pensante - Informação, reflexão, ironia e um pouco de realismo fantástico.
O CÂNONE DE CHICO E A CANÇÃO DE FRANCISCO
Chico abusa da santa paciência!
date_range23/03/2019 às 19:33

A disritimia de Chico, o velho

Por: Márcio Rogério Bernardo Matos

Em dezembro do ano passado, o Papa Francisco recebeu no Vaticano uma pequena comissão de pelegos caquéticos liderada pelo cantor e compositor Chico Buarque, também chamado de rugamóvel, para reclamar da prisão do ex-presidente Lula.
Diante do pontífice, Chico denunciou uma perda iminente dos direitos sociais e de um risco igualmente próximo de ditadura no Brasil; Chico também, e é óbvio, denunciou a prisão de Lula como um ato arbitrário e próprio de um processo de judicialização em curso no Brasi.
Chico que durante a audiência papal mostrou uma religiosa devoção pelo seu líder político preso e um mal-estar latente diante dos símbolos religiosos santos do Vaticano despertou a atenção de Francisco, o Papa. Chico, o velho cantor, deixou com o Papa um extenso documento sobre a situação do Brasil sem a liberdade de São Luís Inácio das causas do STF impossíveis. Ao fim da audiência , Chico deixou com o pontífice uma coletânea de discos de sua autoria.
Conforme prometido, nesta última semana veio a resposta do Vaticano; a correspondência da Santa Sé foi enviada ao Foro de São Paulo. A resposta foi sucinta: Chico foi excomungado. Junto à declaração de excomunhão de Chico estavam um amontoado incinerado e retorcido do que um dia foram CD´s.

Sobre
Informação, reflexão, ironia e um pouco de realismo fantástico! Participe conosco da construção de um novo pensar consciente e livre de manipulações! Acompanhe-nos em nosso blog, Instagram, Facebook, Twitter e no site Miséria, o maior portal de notícias do interior cearense. Editorial: Antonia Gomes Lacerda de Meneses - Jornalista e editora-chefe Márcio Rogério Bernardo Matos - Crítico Literário,Teólogo e Redator www.curiopensante.com.br @curiopensante.com.br (88)9 9700-9589 (88)9 9918-3034